0
Campanhas

Novembro Azul – Câncer de próstata: prevenção e tratamento.

By 28 de novembro de 2019 No Comments
Corinthiano,_entre_no_jogo_contra_o_câncer_de_próstata_Previna_se

Já sabemos a história do movimento Novembro Azul, o que é câncer de próstata e seus principais sintomas (Se você ainda não leu, estão nos últimos dois posts. Clique nos textos sublinhados para acessar os posts.); agora vamos falar sobre a prevenção e tratamento dessa doença, que é a segunda maior causa de morte em homens no Brasil, segundo o Instituto Nacional do Câncer – INCA.

A prevenção do câncer de próstata não é nenhum bicho de sete cabeças, basta ter os cuidados básicos com a saúde já recomendados pelos médicos ao longo da vida, tais como:

– Manter uma alimentação saudável: uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer, como também de outras doenças crônicas não-transmissíveis.

– Manter o peso corporal adequado: manter o IMC – índice de massa corpórea – adequado (clique aqui para conferir se o seu IMC está adequado) e praticar pelo menos 30 minutos por dia de atividade física além de ajudar na prevenção do câncer, ajuda a prevenir diversas outras doenças.

– Não fumar: além do câncer de próstata, o cigarro pode causar diversos outros tipos de câncer e doenças diversas.

– Evitar o consumo de bebida alcoólica: não é necessário deixa de beber totalmente, mas diminuir o consumo de álcool ajuda na prevenção da doença.

Hábitos saudáveis são aliados contra várias doenças, inclusive contra o câncer de próstata. As recomendações acima foram tiradas da cartilha do INCA, criada em parceria com o Ministério da Saúde, com o objetivo de levar informação a respeito da doença, para conscientizar a população sobre a importância da prevenção, do diagnóstico e do tratamento. Você pode acessar e baixar essa cartilha do INCA clicando aqui.

A melhor maneira de garantir a cura do câncer de próstata é o diagnóstico precoce. Mesmo que não tenham apresentado quaisquer sintomas, homens a partir de 50 anos (45 anos, se houver caso de câncer na família) devem consultar um médico para a realização do exame preventivo.

Para investigar os sinais da doença são realizados inicialmente dois tipos de exames: exame de toque retal e exame de PSA. O primeiro consiste na avaliação do médico através do toque nas partes posterior e lateral da próstata, para avaliar o tamanho, textura e forma. Já o segundo é um exame de sangue, que mede a quantidade de uma proteína produzida pela próstata – Antígeno Prostático Específico (PSA).

A indicação do melhor tratamento vai depender de diversos fatores, como o estágio da doença, estado de saúde atual do paciente e expectativa de vida. A principal forma de tratamento é a cirurgia, que pode ou não ser aplicada junto com radioterapia e tratamento hormonal.

Em caso de diagnóstico precoce, a chance de cura aumenta em 90%, por isso a preocupação da campanha Novembro Azul em conscientizar os homens para que façam exames preventivos, deixando o preconceito de lado e colocando sua saúde em primeiro lugar.

Entre na luta contra o câncer de próstata: previna-se! Afinal, queremos você junto conosco nas arquibancadas da vida por muito anos, torcendo pelo Corinthians e gritando “É campeão!”.

 

Frente Liberdade Corinthiana na campanha Novembro Azul e pela prevenção do câncer de próstata.

Leave a Reply