0
Nota de repúdio

A ABSURDA readmissão de Alberto Dualib ao CORI

By 16 de dezembro de 2019 No Comments

Os mais de 30 milhões de fiéis corinthianos iniciaram a semana com mais uma notícia absurda de uma situação totalmente inacreditável: a readmissão do sr. Alberto Dualib aos quadros do Conselho de Orientação (CORI) do Corinthians.

Alberto Dualib foi condenado em segunda instância, em 2013, por estelionato de R$1,4 milhão praticado contra o Corinthians. Os motivos, porém, que impulsionaram a saída do Sr. Alberto Dualib da Presidência são irrelevantes se comparados à crise financeira gerada pelas sucessivas gestões corinthianas, sempre capitaneadas pelo Sr. Andrés Navarro Sanchez, esse sim, responsável direto pelo imbróglio da Arena, pela ausência de um departamento de compliance, pela inexistência da diretoria de marketing, pelo contínuo descumprimento do Estatuto do Corinthians, dentre tantas outras desconformidades.

Em comum com o Dualib, existe hoje um quadro de continuísmo no poder extremamente nocivo à instituição Sport Club Corinthians Paulista. A Frente Liberdade Corinthiana não pode assentir com homenagens a dirigentes que, de alguma forma, prejudicaram os interesses maiores do Corinthians e desconfia que essa suposta láurea tenha o intuito de desviar o foco de problemas muito mais atuais, mas que, infelizmente, podem nos empurrar para um cenário tétrico parecido com o que ocorreu em 2007, ou ainda pior. Em arremate, caso Dualib deseje retornar ao quadro associativo ou fazer parte de qualquer Conselho, à luz do Estatuto vigente, deverá ressarcir os cofres do Clube quanto a eventuais prejuízos, cabendo ao presidente da diretoria a análise da sua readmissão.

Assim sendo, a Frente Liberdade Corinthiana é totalmente contra a reintegração do Sr. Alberto Dualib como membro Nato do Cori. E não ficaremos apenas na pura indignação contra tal fato, mas enviaremos requerimento solicitando a anulação da reintegração à luz do Estatuto vigente, que deve ser respeitado!

 

Frente Liberdade Corinthiana

 

 

 

Ato de 2008 que comprova a RENÚNCIA de Alberto Dualib aos cargos de Conselheiro Vitalício e de Membro Nato do CORI.

Leave a Reply