Nota de Pesar

Justiça para Douglas Nunes, vítima da violência no Brasil.

O atleta Douglas Nunes da Silva, pivô do futsal do Corinthians, foi assassinado na manhã de domingo, 11 de agosto de 2019, na cidade de Erechim, RS. Douglas tinha 27 anos e, segundo informações da imprensa, discutiu com um homem dentro de uma casa noturna; ao sair do local, foi baleado na cabeça. Mesmo socorrido, não resistiu e faleceu. O assassino foi preso e confessou o crime. Ele já era condenado por tráfico de drogas e cumpria prisão domiciliar.

O Corinthians disputava na cidade de Erechim a semifinal da Taça Brasil de Futsal e, no sábado, havia perdido para o Atlântico pelo placar de 5×3, ficando de fora da final do Torneio. A final, que seria disputada no domingo, 11/08, foi adiada devido à tragédia.

Natural de São Caetano do Sul, Douglas Nunes foi formado na base do Corinthians. Ele era irmão do também pivô Betão, campeão mundial com a Seleção Brasileira em 2008 e que também jogou pelo Corinthians. Como profissional, Douglas atuou 56 vezes pelo Timão. Também vestiu a camisa do Orlândia/SP e do Kairat Almaty, do Cazaquistão. Atuou ainda pela Seleção Brasileira. Ele retornou  ao Corinthians em 2017.

A Frente Liberdade Corinthiana presta condolências à família de Douglas Nunes e anseia para que a Justiça seja feita, com a prisão e condenação do assassino.

Postagens Relacionadas
MemóriaNota de Pesar

O ADEUS A OSWALDO ALVAREZ (VADÃO)

Ontem, dia 25 de maio de 2020, o futebol brasileiro perdeu Oswaldo Alvarez, o Vadão. Ele tinha 63…
Leia mais
Nota de Pesar

Falecimento de Gregório Navarro Reche.

A Frente Liberdade Corinthiana lamenta o falecimento do Sr. Gregório Navarro Reche, pai de Andrés…
Leia mais
Nota de Pesar

O adeus a Marlene Matheus, primeira mulher presidente do Corinthians.

Vicente e Marlene Matheus, eternos presidentes do Corinthians. Foto: Reprodução. Nesse 02…
Leia mais
Newsletter
Assine nossa newsletter

Inscreva-se para receber nossas novidades. Insira seu melhor e-mail.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.